Comunicação / Notícias (outras)

Linhas de Crédito
No quadro dos apoios que têm sido concedidos às PME's portuguesas e, face à escassez de crédito e à procura que as anteriores linhas de crédito PME Investe registaram, foi lançada a Linha de Crédito PME Investe III, subdivida em quatro linhas específicas: sector exportador (valor até 500 milhões de euros); sector automóvel (até 200 milhões de euros); sector do turismo (até 500 milhões de euros); micro e pequenas empresas (até 400 milhões de euros). Nesta última linha específica, as empresas do sector da Construção, podem beneficiar do acesso ao montante global até 400 milhões de euros, repartidos 200 milhões de euros para as micro-empresas e 200 milhões de euros para as pequenas empresas, com a finalidade de financiar investimentos e necessidades de capitais permanentes (empréstimos bancários de médio e longo prazo).

Condições e características da Linha de Crédito bonificado

para Micro e Pequenas Empresas

Montante global

Até 400 milhões de euros

Taxa de juro a praticar

Euribor a 3 meses, menos 0,25%


Taxa mínima aplicável de 3%

Montante máximo por empresa

Micro empresa (até 10 trabalhadores): 25 mil euros


Pequena empresa (entre 11 e 50 trabalhadores): 50 mil euros

Beneficiários

Proceder à certificação electrónica no site do IAPMEI


Efectuar pedido de crédito junto da Banca


Situação regularizada Seg. Social e Administração Fiscal

Candidatura

Micro Empresas e Pequenas Empresas


Sector da Construção está incluído

Prazo da operação

Até 3 anos, após a contratação


Prazo de carência de capital e juros até 12 meses

A linha de crédito destina-se a beneficiar as Micro e Pequenas Empresas: Micro e Pequenas Empresas com certificação online pelo IAPMEI, que apresentem volume de negócios inferior a €10 milhões, resultados líquidos positivos em dois dos últimos três exercícios anteriores e compromisso de manter o volume de emprego à data da contratação do empréstimo durante a vigência do contrato de financiamento. A Linha de Crédito PME Investe III permite criar condições para que as empresas possam aceder a crédito bancário em condições mais favoráveis, tendo sido para o efeito celebrado Protocolo entre os Bancos, IAPMEI, Autoridade de Gestão do Programa Factores de Competitividade e Sociedades de Garantia Mútua. Como Proceder? Primeiramente terá que proceder à certificação online no site do IAPMEI. A seguir a empresa poderá formalizar a candidatura, num balcão contactando um dos Bancos protocolados para apresentar o seu pedido de crédito. Se persistirem dúvidas, poderá contactar os Serviços de Economia da Associação.
Partilhar facebook Partilhar google+ Partilhar twitter