Comunicação / Notícias (outras)

PROGRAMA “VISTOS GOLD” CAPTA 1.076 MILHÕES DE INVESTIMENTO ESTRANGEIRO

  • ESTRANGEIROS APLICAM 3,5 MILHÕES DE EUROS POR DIA EM PATRIMÓNIO IMOBILIÁRIO

A CPCI - Confederação Portuguesa da Construção e do Imobiliário, destaca a evolução muito favorável do Programa de "Vistos Gold", que acaba, no mês de outubro, de obter o melhor registo mensal, com mais 126 milhões de euros captados neste período, dos quais 108,3 milhões, ou seja, 86%, dizem respeito a investimento em imobiliário nacional. Desde o início deste programa, os recursos externos aplicados em território português ascendem já aos 1.076 milhões de euros, dos quais 972 milhões, ou seja, 90%, correspondem a aquisição de património imobiliário.

A Confederação reitera a necessidade de ajustamento deste programa de incentivos e do Regime de Tributação de Residentes Não Habituais, às especificidades de todo o território nacional e a domínios estratégicos como a Reabilitação Urbana e a valorização de regiões com elevado potencial, em especial no interior do País. Os resultados obtidos devem motivar um consenso alargado entre o Governo e restantes forças políticas para que, ainda neste Orçamento do Estado para 2015, seja possível desenvolver mais instrumentos de captação de investimento privado nacional e estrangeiro, que deverão ser acompanhados por uma adequada política de investimento público, mobilizadora da confiança dos investidores particulares.

Recordando que o País ainda tem 3,8 mil milhões de euros por executar no atual QREN, dos quais cerca de 2 mil milhões dizem respeito a infraestruturas orientadas para a competitividade e para a dinamização das economias locais, a que se juntarão as novas verbas do Portugal 2020, a CPCI reitera a importância da dinamização do investimento, o qual se encontra, tal como apontado pela própria Comissão Europeia, a níveis insustentavelmente baixos, e é essencial para a recuperação económica, para a competitividade e para a criação de emprego sustentado.

04/11/2014

Partilhar facebook Partilhar google+ Partilhar twitter