Comunicação / Notícias (outras)

AICCOPN CELEBRA 124 ANOS DE EXISTÊNCIA

Caros Associados,

Com uma história que neste dia 13 de agosto, perfaz 124 anos, a AICCOPN – Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas, continua focada naquela que é a sua missão. Defender intransigentemente os seus associados e projetar na sua ação, o desenvolvimento do setor, enquanto vetor essencial para alicerçar o crescimento económico de Portugal e a criação de mais e melhor emprego.

Os Projetos lançados ao longo do último ano representam a concretização destes objetivos. Constituem o ponto de partida para alavancar o nosso futuro. Queremos consolidar a AICCOPN como uma Associação moderna e ajustada às necessidades dos seus Associados. Diferenciar as empresas, evidenciando as suas competências e distinguindo-as de todos os que operam de forma ilegal no mercado é uma das nossas preocupações. O «Constru+», o «GPC – Global Portuguese Construction», a marca «Construção Inteligente e Sustentável», são exemplos de sinais distintivos com os quais queremos assegurar mais negócio aos associados, potenciar o trabalho em rede e promover, seja no mercado interno, seja no mercado internacional, as empresas portuguesas de construção.

Temos plena consciência das profundas dificuldades que as empresas enfrentaram e continuam a enfrentar. Sabemos que precisamos de confiança, de mais investimento, de um mercado regular, concorrencial e transparente, de um Código dos Contratos Públicos e de uma Lei dos Alvarás ajustadas à realidade do setor e dos agentes económicos, de acesso ao financiamento, muitas vezes dificultado por um sistema bancário que é incapaz de cumprir as suas funções e de uma fiscalidade competitiva e atrativa para os investidores nacionais e estrangeiros.

Porém, também sabemos que as oportunidades existem. Que o Portugal 2020, o Plano Juncker, o Plano Estratégico dos Transportes e Infraestruturas, a internacionalização, o investimento estrangeiro no imobiliário, dinamizado pelo programa de Vistos Gold e pelo Regime de Tributação dos não Residentes Habituais e a Reabilitação Urbana, são as premissas para o desenvolvimento futuro que tem, necessariamente, de passar pelo setor da construção, à semelhança do que acontece na generalidade dos Países.

O esforço que os nossos empresários para chegar ao dia de hoje, não pode ser desperdiçado. Tem de ser aproveitado e, sobretudo, potenciado.

A AICCOPN continuará, como sempre, a ser a voz de um setor sem o qual Portugal não terá futuro.

A todos os nossos Associados, uma palavra de agradecimento pela confiança que, ao longo dos anos, têm vindo a depositar na AICCOPN.

 

Manuel Joaquim Reis Campos

Presidente da Direção

Partilhar facebook Partilhar google+ Partilhar twitter